Páginas

Translate

*Espetáculo da Vida...


ESPETÁCULO DA VIDA


Desapontado o dia olhou a noite

E perguntou assustado sem freios:

Oh, noite, o que é que te faz tão faceira

E os poetas todos te cantam e te encenam em telas?

A tarde sem rodeios beijou o dia e acenou com adoração

No que a Noite respondeu:

Oh, dia, não sei, estou aqui quando

Tu permites o encantamento do teu findar e fico a esperar num canto
O dia num gesto de desilusão

Postou o sol em fim de linha

Num horizonte perdido lindo

E ainda assim não contente

Pastoreou a beleza noturna

Abandonando o Sol taciturno
A noite despreocupada vinha

Tarde enfim após o dia gerado

Julgado pela aspereza tão diurna

Abriu a cortina da sua rara janela

Costurou filete de estrelas nos Céus

Conversou com as filhas Nuvens Aflitas

Despencando A Rainha Lua num Abismo de Show...


Luiza De Marillac Bessa Luna Michel